Analisando teorias: The OA

Oláaaa pessoinha ai do outro lado, tudo bem com você? Hoje eu vim falar da tão comentada série The OA. Se você não conhece ou ainda não assistiu, recomendo parar por aqui porque vamos ter muitos spoilers daqui em diante.

the oa  blog teorias praire nina Zal Batmanglij Brit Marling nada delicada google homer.png

 

“Sinopse: Prairie Johnson é uma garotinha cega que desaparece. Sete anos depois, ela retorna, com a visão perfeita. A jovem (Brit Marling) tenta explicar aos pais o que aconteceu durante a sua ausência. Para a surpresa de todos, ela diz que nunca realmente se foi, mas estava em outro plano da existência… Num lugar invisível.”

A série foi lançada pela netflix em dezembro, criada e produzida por Zal Batmanglij e Brit Marling.

the-oa-blog-teorias-praire-nina-zal-batmanglij-brit-marling-nada-delicada-google

SIM, a atriz que faz a “The OA/Praire” é criadora da série.

 Mas vamos ao que interessa, já que não vim falar diretamente da série e sim de suas teorias. Teriam elas sentido?

the-oa-blog-teorias-praire-nina-zal-batmanglij-brit-marling-nada-delicada-google-homer

Existe em todos os tipos de produções a mesma teoria (qual problema de vocês?): alguém está em coma e está “sonhando” tudo isso. É uma teoria que faz sentindo em qualquer história existente, porque tudo pode ser imaginado. O mesmo posso dizer para hospício e coisas do tipo. Me recuso a acreditar que toda série aconteceu por conta de um coma ou loucura dela.

Há alguns tópicos interessantes que devemos pensar: The OA estaria mentindo sobre tudo? Obviamente seria uma opção, já que vimos os livros em sua casa, porém a um ponto importante que pra mim foi claramente um sinal para nós entendermos que é tudo verdade: ELA NÃO SABE LER, não em “nossa” língua, pelo menos. Ela lê braile, aqueles livros não seriam dela. O que nos traz a outro ponto, o que Elis estava fazendo na casa dela tão tarde? Se me recordo bem, foi no mesmo dia em que ele disse para a família sair. Não é coincidência, claro.

O FBI está por traz dos experimentos de Hap? Isso é algo muito inteligente de se pensar, primeiro porque ele parece ter altos recursos, além de passe livre com seu avião. Há quem diga que Rachel também é do FBI e por isso não vemos ela nos experimentos, nem mesmo ganha um movimento. E quando Hap avisa sobre pessoas no hospital, ninguém se lembra daquilo? Deviam corresponder com algo que a Praire disse, mas ninguém faz essa conexão. Teriam abafado a história para não comprometer todo o trabalho que outros “cientistas” fazem?

French e Homer são a mesma pessoa, em diferentes realidades?  Não acredito nisso, acho que, de certo forma, o French se conectou a história e se imaginou como Homer, apenas isso; Até porque não é a The OA que escolhe as pessoas que iram participar, ela apenas pede para serem fortes e corajosas.

zal-batmanglij-e-brit-marling-teorias-movimentos-the-oa-final

Quem é o atirador? Não é uma teoria, mas eu juro que fiquei abalada com os olhos do atirador, pois me lembrou muito os olhos do Homer. Pensei até em uma teoria própria (provavelmente louca, me deixem!): E se a história não tem uma ordem cronológica como pensamos? Pensem as loucuras comigo, supondo que de alguma forma a The OA viajou no tempo ou já está em outra dimensão. O Hap parece reconhecer a música quando ouve no metrô, não é algo do tipo “ela toca bem”, é reconhecimento a algo que já ouviu antes; Quem acha o vídeo dela tocando? French e ele se parece com o Hap, eu acho pelo menos.

E se ele ficou obcecado pelas histórias e decide estudar sobre experiências de quase morte? Parece mais complicado do que seria pensar na série normal, mas não duvido de nada vindo de The OA.

zal-batmanglij-e-brit-marling-teorias-movimentos-the-oa

Lembrou alguma teoria? Me manda aí e vamos analisar ela também. Beijos e até o próximo post.

 

Dicas para blogueiros iniciantes

Olá pessoinha do outro lado, tudo bem com você?

Hoje eu vim com um post para quem também é iniciante e não sabe como se organizar. Começar nem sempre é fácil e sem umas dicas fica quase impossível, então, por isso, eu vim ser uma super amiga e dar 5 dicas que eu gostaria de ter recebido quando comecei (não que isso tenha muito tempo haha!)

5- Participe de grupos

migos.gif

Para quase tudo o que eu disser aqui no blog, minha dica sempre é procurar outras pessoas que querem algo igual a você. É ótimo receber apoio para continuar de quem entende o que é. Tem vários grupos ótimos no Facebook ❤

4 -Interaja com outras pessoas

uj.gif

Da mesma forma que você quer reconhecimento, outras pessoas também querem. Comente e curta posts em blogs de outras pessoas, use bastante hashtags no instagram, tente se fazer conhecido conhecendo outras pessoas.

3-Frequência

sapin.gif

Postar de 15 em 15 dias e esperar retorno em seguidores e comentários é sonhar demais, ta bom? Você tem sempre que mostrar conteúdo e postar com frequência para que pessoas cheguem no seu “trabalho” e se interessem em voltar ao seu blog.

2- Parcerias

in.gif

Imagine que seu blog acabou de “nascer” e você é impulsionada por outros blogs, seria muito bom né? É exatamente o que acontece quando você faz parcerias de posts com outras blogueiras e acaba ganhando uma forcinha no começo. Então participe de parcerias que tenham haver com seu estilo de post  e vai ajudar muito!

ps: Todas às sextas  “projeto férias” com várias meninas aqui no blog.

1-Qualidade

lokui.gif

Não adianta nada seguir todos os passos acima se a qualidade do seu blog não é das melhores. Pode ser chato ouvir isso, mas um post sem coerência ou com erros de escrita desanimam muito a quem vai ler. Então a última e mais importante dica é parar tudo o que está fazendo e repensar seus posts, a ideia do seu blog; Mostre para amigos antes de postar e quando se sentir bem segura, vai na fé!

loooo.gif

Então foi isso, boa sorte no que você quer. Gostou do post? Comenta que eu quero saber, beijos!!

Entrando na moda com brechó e desapego

Olá pessoinha do outro lado, você já ouviu falar de desapego? E brechó? Não! Corre porque você precisa conhecer agora!

kxmwkm

Nos últimos anos eles estão em alta e tem preços muito bons. Como uma super adepta dessas compras, não podia deixar de falar disso.

Brechó sempre foi uma coisa de quem não tinha dinheiro, era até feio falar que comprou algo usado de alguém, mas o tempo passou, as ideias mudaram e aqui estamos com brechós maravilhosos, peças lindas e com um preço melhor ainda.  Existem muitos agora no Instagram e entregam para todo o Brasil.

Blusinha maravilhosa que paguei R$1,00 no Brechó

E o desapego então? Novidade em várias cidades, é um “brechó” com outro nome pois não são apenas roupas e sapatos como também móveis, eletrodomésticos, livros, etc.

Já vendi e comprei muuuito nos da minha cidade, eles são todos online, grupos no Facebook.

indice

Blusa R$5,00 no desapego feminino da minha cidade

São peças lindas, novas ou usadas e baratinhas. Tá com umas pecinhas novas ai e não sabe o que fazer? Desapega!!

mkcd.gif

Para de bobear ai e já procura na sua cidade! Até o próximo post, beijo.